a nova geração

by

“Ah, você tem um bom coração!” <3

“Ah, você tem um bom coração, você ajuda os animais da rua!”

“Ora, como não gostar deles? São tão bonzinhos. Aquele ali, com a ‘máscara’ de pintas na cara, podia ser o Zorro!”

A velhinha simpática quer alimentar uma gata específica, só que os patudos amigos da Princesinha vêm roubar-lhe a comida. 

Todos comem com avidez. A mulher doce tem problemas de saúde e está meio cega mas coze peixe para a malhadita que, junto com mais uns dois ou três primos, me cumprimenta sempre quando entro ou saio da Praceta. 

Quando vivia em Lisboa, deitava no lixo o patê gastro-intestinal que sobra todos os dias da minha Amélinha, isto é, a “Gááta!!”, único nome que reconhece.

Agora, esses restos deliciosos ficam para os felinos que dormem à luz das estrelas. 

Alguns, por vontade deles, estariam debaixo do meu tecto, como o “Amiguinho”, que corre à minha volta e mia para mim carinhosamente quando me aproximo do meu prédio.

Não posso fazer nada por ele, além de partilhar as tais migalhas da pasta cobiçada, e algum carinho fugidio. Nem todos têm a sorte dos pequenotes que comigo vivem…

Write a Comment

Comment